sábado, 27 de outubro de 2007

Quero que saibas...

Quero que saibas
Que fiz muito por ti,
Que movi montes e vales,
Que em mil e uma coisas cri.

Quero que saibas
Que lagos e mares sequei,
Que fiz flores brotar no deserto,
Que um raio no céus rasguei.

Quero que saibas
Que nadei no céu aberto,
Que voei no mar alto,
Tentando sentir-te mais perto.

Quero que saibas
Que mil e uma estrelas pintei
Na nossa vida que seria o céu,
Nomes, caminhos e datas lhes dei.

Quero que saibas
Que meus olhos ainda não sequei
Mas já os sinto a endurecer,
Esferas de sal que guardarei.

Quero que saibas
Que a luz que eras, meu Sol,
Ajudou-me a iluminar a noite de muitos,
Ao reflectires tua luz p’ra mim.

A sempre tua,
Lua.